quinta-feira, 12 de dezembro de 2019

OPERAÇÃO DA PF PRENDE DIRETORAS DO HGE E DO HOSPITAL DE EMERGÊNCIA DO AGRESTE


    As diretoras do Hospital Geral do Estado (HGE) e do Hospital de Emergência do Agreste Dr. Daniel Houly foram presas durante a operação Florence Dama da Lâmpada, deflagrada na manhã desta quarta-feira (11), pela Polícia Federal (PF), Controladoria Geral da União (CGU) e Ministério Público Federal (MPF). Até o momento, dos 16 mandados de prisão expedidos, 14  foram cumpridos. Os dois últimos devem se apresentar à polícia até sexta-feira (13), já que estão fora do Brasil.
     Uma das médicas presas é a Marta Celeste, que é a atual diretora do HGE. Uma outra, conforme a PF, é Regiluce Santos Silva, diretora da Unidade de saúde do Agreste e cunhada do deputado estadual Ricardo Nezinho (MDB). Ambas estão na sede da PF, no bairro de Jaraguá, em Maceió, onde prestam depoimentos e permanecem presas preventivamente. "A partir das investigações abriu-se um mar de provas que comprovam o esquema, e todos os desvios", concluiu o delegado.
     O esquema descoberto, estimado em R$ 30 milhões, funcionava na Secretaria de Saúde do governo Renan Filho, comandada atualmente pelo secretário Alexandre Ayres. De acordo com o delegado da PF, Jorge Eduardo Ferreira de Oliveira, os alvos são médicos, diretores de hospitais e servidores públicos. "São pessoas públicas que circulam em diversos ambientes no Estado de Alagoas", informou.
FONTE: GAZETAWEB

Nenhum comentário:

Postar um comentário